FFB

Histórico

A história, ao longo de 30 anos, exigiu um constante redimensionamento das finalidades e a criação de novos serviços que a sigla do Cefepal não conseguia abranger. De outro lado, esta sigla, ao ser usada para identificar o curso ou encontro anual de espiritualidade ou até mesmo a casa de encontros, já não indicava a totalidade daquilo que pretendia significar. Percebeu-se, então, que esta sigla não era mais condizente com a realidade, e que era, portanto, necessária uma reformulação que englobasse uma nova compreensão daquilo que o Cefepal se propunha ser e de suas finalidades e objetivos. A Assembléia Geral de outubro de 1994 cuidou não apenas de repensar a nomenclatura, mas também de tornar a estrutura mais ágil e simples. Deste modo, a FFB (Família Franciscana do Brasil) sucede ao Cefepal, significando o conjunto de todos os associados. Ela mantém um Centro Franciscano de Serviços para a consecução de seus objetivos que são: desenvolver e incentivar a vivência e anúncio do Evangelho; promover a reflexão sobre a vida franciscana e seu carisma, bem como sua presença e atuação na Igreja e no mundo de hoje; estimular o conhecimento, a comunicação e a comunhão entre os diversos ramos e membros da Família Franciscana; manter e promover cursos, encontros e pesquisas de caráter religioso e cultural que interessem à vida e à formação da Família Franciscana; prestar assistência espiritual franciscana aos seus membros e colaborar com entidades congêneres na linha dos ideais de Francisco e Clara de Assis; publicar e distribuir boletins, periódicos e livros que condensem os resultados de suas atividades, estudos e pesquisas; colocar-se a serviço da justiça, paz e ecologia, promovendo e valorizando a vida onde ela se encontra mais ameaçada.