CFMB

Província Franciscana de Santa Cruz

Situada nos estados de: Minas Gerais e Sul da Bahia

Endereço:
Sede Provincial
Praça S.Francisco das Chagas, 195
Bairro: Carlos Prates
Belo Horizonte/MG – CEP: 30.710-350
Fone: (31) 3469 5545 (Ramal 6523)

E-mail:  epc@ofm.org.br

Site: www.franciscanossantacruz.org.br

Facebook: https://goo.gl/Jw5hK3

A história da Província Santa Cruz começa com a chegada de fundadores ao Rio de Janeiro, em 1900. A Província dos Santos Mártires Gorcumienses, da Holanda, enviava três frades – Adalberto Woolderink, Gonzaga Governeur e Oto Vervoort para o então criado Comissariado Imaculada Conceição, que teve como primeira residência no estado de Minas Gerais a cidade histórica de Ouro Preto, em 1903.

Em 1926, o Comissariado foi estendido ao Rio Grande do Sul, e em 1936 foi estendido ao extremo Sul da Bahia, através das cidade dês Caravelas, Nova Viçosa e Mucuri. A criação da Província Santa Cruz se deu em 1950. A partir desta data, passou a atuar independente da Província dos Mártires Gorcumienses.

Em 1976 houve o desmembramento do Rio Grande do Sul, que formou a Província São Francisco de Assis. Com isso, a Província de Santa Cruz passou a ocupar uma área de 586.852 km2 (7% do território brasileiro), ocupando e evangelizando uma área de 19 milhões de habitantes. Neste espaço, destaque para a grande região metropolitana de Belo Horizonte, com 4,7 milhões de habitantes.

Província hoje
Frei Francisco Carvalho Neto é o Provincial. Atualmente, a Província tem 105 frades professos solenes, sendo um com mais de 100 anos. Tem 53 frades com idade acima dos 65 anos e 52 abaixo dos 65 anos. Cinco frades são bispos, 82 são clérigos e 15 irmãos leigos.

Esse total de frades está dividido em 23 fraternidades, sendo 13 paróquias, 2 colégios, 2 centros de formação e espiritualidade, além de dois trabalhos sociais, como: 2 centros de inclusão digital e 10 núcleos da Educafro (pré-vestibulares para afrodescendentes e carentes).  Os frades também têm intensa atividade na formação, já que contam com 7 casas de formação.
As fraternidades estão, assim, divididas: 10 na Grande Belo Horizonte, 2 na Zona da Mata, 2 no Campo das Vertentes, 2 no Centro-Oeste, 3 no Nordeste de Minas, 2 no Norte de Minas, e 2 no Sul da Bahia.